O beijo – Da série dos dias de prazer absoluto

O encontro de duas bocas é o início do sexo. É o princípio do orgasmo dividido em frenesi, êxtase e clímax.

Hummm

O frenesi é o que chamam de início do beijo. É o encontro das duas bocas, em princípio secas e frias ou até quentes, mas não em chamas.

Depois vem a língua que apimenta a situação deixando a boca molhada e ardente. Num beijo suave ela excita muito mais e viaja muito mais pela imaginação de quem está sendo beijado. É nesse momento que me delicio com as mãos na nuca, na cintura, nas costas. As mãos que não param… A língua que percorre a boca com mais força, mais excitação, mais velocidade, mais tesão…

Nesse instante o corpo responde ao beijo e daí para a cópula é questão de segundos. Os gemidos de “hummm!” indicando quão gostoso está o beijo, as carícias aumentando pelas mãos impetuosas… E exatamente aí temos o clímax. As bocas se separam, porém a vontade é uni-las novamente para o deleite.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s